VOCÊ ESTÁ EM:

OS MELHORES ANZÓIS PARA PESCA NO MAR

Bem, em primeiro lugar vamos começar do primordial para uma boa pescaria: o anzol! É ele que garante a fisgada de um peixe, seja na pesca esportiva ou na amadora. Afinal, é ele quem traz o peixe até você e o impossibilita de escapar.

É até comum ouvirmos os pescadores reclamarem que os peixes “roubam” as iscas, mas não conseguem fisgá-los. Alguns até desistem, principalmente na pesca na praia ou no mar, onde a força da água é bastante relevante.. 

Mas, um pequeno detalhe pode fazer toda a diferença: o anzol que você usa para a pesca. Não é só a qualidade que interfere nos tipos de anzóis, o formato também é um grande agente para pescar bem. Os anzóis para pesca são diferentes de acordo com as modalidades e as finalidades.

Continue lendo esse conteúdo pois explicaremos mais sobre os tipos de anzóis e os mais indicados para cada tipo de pesca esportiva em água salgada. 

 


 

Pesca na praia

A pesca na praia garante bons momentos de lazer e pode ser praticada por toda a família. 

A gama de anzóis para esta modalidade de pesca esportiva é enorme. Talvez, por isso, haja tanta confusão. 

Antes de escolher o anzol você deve se perguntar: onde e como será a pescaria? E quais os peixes-alvo e o seu tamanho médio?

Além disso, é preciso levar em consideração a experiência do pescador. No geral, para escolher o melhor anzol para a sua pesca esportiva, você deve levar em consideração 3 itens: 

  • Para pescas em praia chamada “light” (com peixes pequenos), o ideal é o modelo de anzol em forma de “pata”. Já para a pesca pesada, o mais comum é o modelo “olhal” ou “olho”. 

  • O material de fabricação pode variar de ligas de aço forjado ou inox, com a opção de serem banhados em outras ligas metálicas (níquel, estanho e ouro) até o de aço de alto carbono, que têm maior qualidade. Os anzóis “black crome” são os que apresentam maior resistência à corrosão pela água salgada. 

  • Os tamanhos, ou numeração, não seguem um padrão exato e podem variar de acordo com fabricante. Entretanto, existem 2 padrões mais comuns: A (8 - 6 - 4 - 2 - 1 - 1/0 - 2/0 - 3/0 - 4/0) e B (6 - 7 - 8 - 9 - 10 - 11 - 12 - 13 - 14). Normalmente, os modelos “A” são usados para pesca de peixes maiores e os “B” são empregados na pesca leve. 

Pesca no mar

Para pescas no mar, propriamente dito (hoje não vamos tratar da pesca submarina), a escolha entre os tipos de anzóis está diretamente relacionada com os peixes que você espera fisgar. 

A nossa melhor dica é ter uma variedade de tamanhos e formatos à sua disposição, assim você pode substituir de acordo com a demanda de peixes naquela área em que você está fazendo a sua pesca esportiva.

E não esqueça de outros equipamentos que podem fazer a diferença: chumbadas (de vários tipos e formatos), chicotes, linhas de excelente qualidade, molinetes, varas, iscas e alicate de contenção, muito útil para manipular peixes de alto mar, que costumam ser mais ferozes. 

Enfim, boa pescaria!

E não se esqueça do protetor solar, do seu chapéu, roupas confortáveis, de água para beber e de dar uma olhada no nosso site. Lá você vai encontrar tudo o que precisa para dar um “up” nos seus equipamentos.


NOVIDADES NO BLOG